16
SET
2016

Novo Parque de Campismo de Beja

No sentido de chamar a atenção dos munícipes de Beja, para a intenção da Câmara Municipal de relocalizar, no espaço de 2 anos, o Parque de Campismo de Beja, na zona da chamada “Mata da Cidade”, decidiu o PS colocar, no local, uma faixa alusiva a essa referida intenção.

Pretende-se com esta acção simbólica convidar os cidadãos a refletirem sobre o futuro da cidade e do concelho, nomeadamente quando as alterações propostas sejam de maior importância e não se tenha, em momento algum, aberto uma consulta pública para discussão do tema, anterior à tomada de decisão, como é, uma vez mais e infelizmente, o caso presente.

Na situação concreta da mudança do Parque de Campismo da Avenida Vasco da Gama para a “Mata” adjacente à Avenida Comandante Ramiro Correia, entende o PS/Beja que o Programa do Concurso, viola o Código dos Contratos Público, nomeadamente quando omite a definição dos parâmetros dos critérios de adjudicação.

Também não foi elaborado qualquer estudo de impacto ambiental e a localização proposta inviabiliza a possibilidade futura de qualquer ampliação do Parque de Campismo, sem a destruição do que fique a restar da “Mata”.
O PS/Beja não concorda com a deslocalização do Parque de Campismo para junto de instalações escolares, como as existentes ao lado da “Mata”, Escola de Santiago Maior e Instituto Politécnico de Beja.

O PS/Beja lamenta que não se tenha feito qualquer estudo sobre o tipo de Parque que os Campistas e Caravanistas hoje mais procuram e não se tenha projetado o mesmo em consonância com as tendências predominantes, no século XXI.

Lamenta-se que a Câmara de Beja, neste como noutros processos, continue a decidir sem antes ouvir ninguém.
O PS/Beja recorda ainda que em sede de Assembleia Municipal foi a única força com assento no órgão a votar contra a possibilidade do novo Parque de Campismo se instalar onde o Município pretende fazê-lo.

O Secretariado da Concelhia de Beja do Partido Socialista

Sobre o autor